IBGE planeja para 2020 medir peso dos afazeres domésticos na economia

Informação guiará políticas públicas e valorizará trabalho feito mais por mulheres.

O Brasil entrará na próxima década com informações detalhadas sobre o tempo que as famílias do país dedicam às tarefas domésticas — e qual é o peso disso para a economia. O IBGE planeja lançar, entre 2019 e 2020, a chamada pesquisa de uso do tempo. O levantamento mostrará quantas horas brasileiros gastam para cozinhar, lavar roupa e cuidar das crianças. Além disso, fornecerá os dados para estimar qual é o valor dos serviços que todos fazem em casa, hoje desempenhados principalmente por mulheres e não contabilizados no PIB, o indicador que mede o ritmo da atividade econômica. Para especialistas, as informações do chamado “PIB da vassoura” serão importantes para orientar a formulação de políticas públicas, ajudar empresas a definir programas de gestão e de recursos humanos, aumentar o debate sobre a desigualdade de gênero e até encontrar formas de aumentar a produtividade da economia.

Mais informações

Please publish modules in offcanvas position.