Arquivo Nacional disponibiliza base de dados sobre imigrantes que chegaram ao Rio de Janeiro

O Projeto foi financiado com recursos do BNDES e deve ajudar na demanda crescente por consultas sobre antepassados. Com colaboração de Bruno Nathansohn do Rio de Janeiro-RJ, o Arquivo Nacional disponibilizou uma base de dados para consulta sobre 1,3 milhão de imigrantes que desembarcaram no Porto do Rio de Janeiro entre 1875 e 1910.

Clique aqui para acessar a Base de Dados

O usuário pode também ir no menu do site do Arquivo Nacional, acessar “consulta a acervos”, clicar em “outras bases de dados” e “procura entrada de estrangeiros no Porto do Rio de Janeiro”. Nele, você encontrará uma descrição do projeto, manual de utilização e a base de dados. Cerca de 60 pessoas trabalharam na digitalização dos documentos para a ferramenta. 

O lançamento da base ocorreu no último dia 26 de abril, por ocasião do Evento “Brasil de Todas as Gentes”, no auditório do Arquivo Nacional, no Rio de Janeiro e foi resultado de um projeto financiado com recursos do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social).

Dentre os participantes presentes à mesa, estavam a professora Ismênia de Lima Martins, da Universidade Federal Fluminense (idealizadora e coordenadora do Projeto), o professor Fernando Souza do CEPESE – Porto, Portugal, especialista em mobilidades geográficas, e Ana Silvia Scott da UNICAMP, especialista em movimentos populacionais.

Durante a cerimônia também apresentou-se um vídeo que, além de abordar a imigração para o Brasil utilizando o acervo da instituição, contou com depoimentos de imigrantes e descendentes que escolheram este país como pátria.

Houve também a premiação de importantes especialistas no tema migratório, como os professores ElHajji Mohamed, da Escola de Comunicação da UFRJ e Helion Póvoa Neto, do IPPUR-UFRJ, idealizador do Núcleo Interdisciplinar de Estudos Migratórios (NIEM), dentre outros.

Mais informações

Please publish modules in offcanvas position.